SINTA-SE EM CASA, FIQUE A VONTADE
Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2012
VOLTO SEMPRE

`E pela calada da noite que procuro encontrar-me.

Abro a porta que da para o sotao dos pensamentos.

Entro, pe ante pe, para que nada se mova.

Surpreendo-os, para que nao inventem desculpas.

Nao lhes dou tempo a raciocinar, confronto-os.

Vem a discussao, que tras a gritaria surda.

Em vao, procuramos encontrar o caminho.

Ja farta, viro as costas, num gesto de revolta

Batendo com os pes, saio e atiro com a porta.

Volto na noite seguinte

 



publicado por sopa-de-letras às 22:00
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é? | partilhar

contador de visitas
sayaç
pesquisar
 
participar

participe neste blog

favoritos

DESCULPEM QUALQUER COISIN...

ONDE ANDAS MINHA ALEGRIA?

subscrever feeds
mais sobre mim
Os meus sitios:
www.meninadomonte.blogspot.co.uk https://www.facebook.com/mletras?ref=tn_tnmn http://www.hi5.com/profile.html https://twitter.com/#!/bletras letras1@msn.com bletras1@sapo.pt